Cigarras: prazeres, desgraças e indignações da vida cotidiana

Cigarras: prazeres, desgraças e indignações da vida cotidiana

Curtidas e maturadas nos porões, bares e inferninhos de Curitiba, as Cigarras vêm causando no underground desde janeiro de 2017. A banda tritura gêneros como punk, mod e garage e expele um som cru e grudento em um dos shows mais vigorosos da atualidade.

Prazeres, desgraças e indignações da vida cotidiana são abordadas por meio das letras nonsense e sarcásticas do quarteto formado por Babi Age (bateria), Tais D’Albuquerque (backing vocal e guitarra), Rubia Oliveira (backing vocal e baixo) e Maria Paraguaya (guitarra e voz).

Cigarras tem gravado dois EPs: Alma de Nóia (2018) e Cigarras (2020). Cada um com cinco músicas. Além disso, possui quatro singles: Delinquente (2018), Franco Atirador (2019), Paranóia de Fumo (2020) e Etnocídio (2020), sendo os dois últimos lançados durante a quarentena. 

Redes sociais e plataformas digitais:

Conteúdo enviado por: bandacigarras@gmail.com