Rota Suicida: levando o som nos três acordes

Rota Suicida: levando o som nos três acordes

Nos meados dos anos 80 alguns jovens de Leme – SP, como tantos outros na época, tinham o sonho de montar uma banda para protestar e através da música mudar o mundo. Diante das dificuldades da época, a rebeldia e o protesto seguiam, mas, o projeto da banda foi ficando para trás. Contudo, hoje é uma enorme satisfação fazer uma documentação e resgate da banda Rota Suicida formada em 1988.

Também na época aconteciam ensaios da banda The End. Os ensaios abertos eram feitos na garagem do bar do senhor Nego, pai do Ziando Rodrigues, vocalista nas duas bandas. A banda se manteve na atividade até 1992 e é justamente esse material que está sendo resgatado e gravado.

A Rota Suicida entra em plena evolução e retorno em 2018 com Ziando (vocal), Juliano (guitarra), Fernando (contrabaixo) e Mauricio “Michilin” (bateria). A banda que é formada por integrantes da cidade de Paulínia – SP (Ziando Rodrigues mudou em 2016 para Paulínia) traz um Punk Rock simples e rasgado como nos primórdios. Com letras que, mesmo com algumas tendo mais de 28 anos, se mantém super atuais devido às mazelas do dia a dia e o descaso com os mais necessitados não terem mudado. 

A formação a partir de 2020 conta com Gabriel (baixo), Ziando (vocal), Fernando (guitarra) e Mauricio “Michilin” (bateria)

A origem do nome Rota Suicida faz alusão ao vício das drogas injetáveis, muito comum entre os jovens da década de 80. As drogas injetáveis, a overdose e a AIDS representaram uma ROTA SUICIDA para muitos na época.

Assista o vídeo da Rota Suicida executando “B17 é o meu ovo”, música que integra a demo “O último Chamado”:

O retorno: A banda Rota Suicida, depois de 26 anos, retorna com uma formação em que todos os integrantes já atuavam em outras bandas. Onde ficou fácil a adaptação já que o Rock é universal.

Desde o lançamento do CD-demo em 2018 (O último chamado), onde foram resgatadas músicas com mais de 28 anos, a banda tem uma média de duas apresentações por mês no interior de São Paulo, além de já ter participado da seletiva “Feelings” na capital paulista com várias bandas da cena paulistana e contando com o apoio da 89 FM “A Rádio Rock”.

A Rota Suicida é uma prova que o punk rock simples e direto tem adeptos na nova geração e no pessoal “das antiga” que apreciam o verdadeiro Punk Rock. Pois devido a boa recepção da primeira demo, a banda se sentiu motivada por todos a dar continuidade com o projeto que é passar a mensagem através das letras das músicas nos 3 acordes.

Em 2020 os caras lançaram a 2ª demo da banda intitulada “América Latina em Chamas”. No final deste texto você pode acessar os links para ouvir as suas duas demos na íntegra.

Confira o vídeo da Rota Suicida executando ao vivo a canção “Inimizade” (Fogo Cruzado):

Contatos:

  • (19) 99468-4941
  • (19) 99427-0925
  • (19) 99825-4368
  • (19) 99651-4641

Conteúdo enviado para a Casa Sonora por Ziando Rodrigues.